Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


 

 

Antes de qualquer outra coisa tenho que clarificar que hoje estou que nem posso desde que percebi que uma das minhas tias me bloqueou no faicebuque e ainda hei-de descobrir-lhe a palavra chave para ir lá pôr uns posts no mural dela porque hoje, e só hoje, estou com um pó às beatas que o melhor é nem se aproximarem de mim! Foi isso e foi a Rosalina que assim sem mais me pergunta porque é que nunca mais fiz um jantar com a Lídia e eu vai e fiquei lívida porque esse nome não se deve pronunciar nas minhas redondezas e ela devia saber isso tão bem como todas as outras fufas aqui da zona que se me vêem dum lado e essa galdéria do outro fazem assim uma espécie de barreira para que eu nem dê por ela se não passo-me! Mas depois lembrei-me que a Rosalina coitada já não vai para nova e aquilo deve ter sido como que um grito de socorro das suas agonizantes celulazinhas neuronais e por esta não a fiz pagar caro, mas santa paciência e mais às fufas de meia idade que se esquecem de tomar o memofante!

 

E se as caras leitoras se estão a interrogar quem será essa tal de Lídia pois que foi uma ex-colega minha com quem tive um caso tórrido até descobrir que ela era casada! Nunca tinha conhecido uma pessoa assim, mentia com quantos dentes tinha, e dizia-me que era solteira e que nunca tinha estado com ninguém antes mas que desde sempre se tinha sentido atraída por mulheres. E eu parva fui na conversa daqueles olhos de amêndoa doce e o decote perfumado que tão bem acompanhava o resto do pacote. Até ao dia em que a Lídia teve uma quebra de tensão muito forte e estava eu assim a abaná-la com as fotocópias dos trabalhos dos meninos quando oiço nos megafones da escola uma voz a dizer "D. Lídia chegou o seu marido" e pumba, já foste! As mulheres em querendo são más como as cobras é o que vos digo!

 

Mas não era nada disso que queria partilhar hoje convosco! Queria contar-vos que esbarrei-me com uma dessas fufas da era antiga e lembrei-me que são elas que dão má fama às mulheres portuguesas no geral e às fufas em particular. Não posso deixar de referir que ela pertence a esse Clube infame que é o da Brandoa, sim porque as fufas aqui da Rinchoa não têm nada a ver com essas e somos pela cor, pela vida, pelo amor e por todas  as coisas boas e bonitas da vida pós-moderna!

 

Porque é que há mulheres que se deixam desleixar a este ponto pergunto-me?

 

Ele é o cabelo, assim curto e escorrido, e muitas vezes grisalho que tintas para elas são as da Cin e mesmo assim só primários incolores! Não digo que gastem horas a aplicar extensões ou a fazer madeixas, eu bem sei o tempo que a Micaela passa a arranjar-se, até perde mais tempo com ela que com as clientes, mas daí a dizerem ao mundo que todas as fufas têm cabelo de rato pelado vai uma enorme distância e é nisso que devíamos investir, nos cabelos senhoras, os cabelos são o vosso cartão de visita, e se quiserem melhorar esse vosso visual é só dizerem porque a Micaela faz-vos uns descontos muito bons lá no salão e ainda vos oferece um cafézinho enquanto esperam pela vossa vez.

 

Ele é os dentes, ou a falta deles. Senhoras, hoje em dia há tantos seguros que por meia dúzia de tostões vos garantem um lugarzinho numa magnífica cadeira de dentista. É preciso ter um certo critério na escolha, é verdade, porque tenho ouvido umas histórias como aquela do Osvaldo careca que quis arranjar os dentes para o casamento do filho mas como o orçamento não dava para tudo falou com uma prima estagiária que lhe fez o servicinho quase de borla mas depois no casamento ao dar uma trinca na sandes de leitão vieram os dentes todos atrás e ele amaldiçoou o momento em que decidiu alugar a charrete para transportar os noivos em vez de ter investido a sério na dentadura. Portanto como digo, os dentes todos no sítio, e todos direitinhos e branquinhos, é meio caminho andado para serem cumprimentadas com um sorriso, que poderão retribuir sem medo. Será por isso que as fufas pré-modernas são tão macambúzias? Terão vergonha dos buracos dentários que a vida madrasta ou uma namorada mais agressiva lhes terá infligido? Se for esse o caso, minhas amigas, ponham uma pedra no passado! Actualizem-se, abram os vossos brousers e escrevam "substituição total e imediata de dentes partidos ou perdidos". Vão ver como um admirável mundo novo se abrirá perante os vossos olhos incrédulos!

 

Ele é a pele, ó senhoras com tantas lojas do Boticário espalhadas por esses shoppings fora, com tantas meninas brasileiras dispostas a fazerem-vos testes cutâneos à borla, por amor de quem sois, já está na hora de começarem a tratar da vossa cútis oleosa e envelhecida! Para além dos cabelos e dos dentes, uma pele tonificada e bem cuidada diz muito sobre nós, que somos mulheres e gostamos muito de nos cuidarmos tanto ou mais do que as outras, até porque os homens não ligam grande coisa à aparência das mulheres e nem sabem distinguir um creme para os pés dum creme esfoliante. Não se iludam minhas amigas, as mulheres cuidam-se por causa das outras mulheres, e esse é o grande segredo das brasileiras e é por isso que elas agradam duma forma tão transversal , a novos e a velhos, a homens e a mulheres, a todos elas cativam com a sua graça e o seu charme e a imensidão de horas que passam em salões de estética a esfoliarem-se, a depilarem-se a massajarem-se, lá está, a gente vai por um caminho e vê logo que é um mau caminho mas digam lá que não gostam?

 

E por favor não me façam falar dos pelos! Nas pernas, nas axilas e nas virilhas é logo morte súbita e fim de jogo imediato! As mulheres têm que andar sempre depiladas e ponto final. Não há desculpa absolutamente nenhuma para não o fazerem, nem sequer a falta de tempo porque se têm tempo para levar o Tinoco à manicure canina também têm tempo para levar as vossas perninhas ao salão da Micaela!

 

Ia agora falar da roupa mas reconheço que nesse campo perco-me um bom bocado porque não sou daquelas fufas fashionistas e nem sequer tenho grande gosto para os trapos. Sei do que não gosto, de camisas largas e calções, calções por safo! Antes túnicas, agora calções! Calções é para putos, daqueles ranhosos e lingrinhas, não para mulheres! E camisas largas é para disfarçar obesidade e não para esconder o que de melhor têm as mulheres! Se não gostam de ter seios, se não gostam de os mostrar, o melhor é consultarem um especialista. Não há mulher que seja mesmo e intimamente no fundo feminina que não goste de ter e de ver um bom par de mamas. Pequenas ou grandes desde que sejam exibidas com orgulho, é o que queremos, pedimos, pelamo-nos para ver e já estou de novo naquele mau caminho, que agora é muito perigoso porque a Cátia não gosta que eu escreva sobre estas coisas, enfim!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:30

Fufas famosas - Daniela Mercury

por Lucelia, em 10.01.14

 

 

A pedido de muitas famílias, a bem dizer na realidade a pedido da Micaela que está zangadíssima comigo por ter revelado o segredo dela vou finalmente escrever sobre essa cantora brasileira famosérrima que é a incontornável Daniela Mercury. Dentro das cantoras fufas ela é talvez a única que é famosa à escala global, a não ser que outras cantoras populares brasileiras se assumissem como a Gal Costa, a Simone, a Zélia Duncan ou mesmo quem sabe a Joana.

 

E quem é a Daniela Mercury? Se precisam de perguntar é porque não vivem neste mundo e o melhor é mesmo voltarem à nave de onde vieram e seguirem sempre em frente por essa via láctea fora porque aqui não há espaço para quem não se curve perante uma das maiores deusas da MPB. A Daniela é assim tchan, não há palavras para a descrever, é maior que a vida, que o sol, que o amor, que o calor, é assim transcendental e se quiserem podem comprar o livro que a mulher dela escreveu e passar uma centena de páginas a lerem o quanto ela é enorme, linda, maravilhosa, um ser das estrelas, das luzes, de tudo e de todos o que eu até compreendo porque acordar todos os dias com um mulherão daqueles ao nosso lado não é para qualquer uma e isso deve mesmo fazer-nos andar por aí a debitar um montão de baboseiras a cada segundo da nossa miserável existência.

 

Mas que as meninas baianas são lindas disso não há a menor dúvida, nem precisava comprar o livro da Malu para saber. Eu a bem dizer não o comprei, ganhei-o num concurso da Net Rádio Católica, e antes que me venham dizer que a NRC não anda por aí a distribuir livros de fufas nojentas coisíssima nenhuma, o que eu ganhei foi uma entrada dupla para a Grande Revista à Portuguesa do Filipe La Féria só que o teatro de revista não faz o meu género portanto fui ao olx e troquei os bilhetes pelo livro da Mercury porque há que dizê-lo com frontalidade porque é uma grande verdade que os padres não gostam nada de fufas mas pelam-se por bichonas e quem disser o contrário está a mentir com quantos dentes tem!

 

 

 

Voltando ao livro da Malu se quiserem eu empresto, digo até dou a quem me pedir porque eu pensava que aquilo tinha mais substância, assim tipo que ela contasse que era namorada da assessora de imprensa da Daniela e que um dia ela as apanhou no camarim em pleno acto e que aquilo foi uma confusão tão grande que tiveram que chamar a guarda estatal, federal e florestal e os polícias municipais e nacionais e os bombeiros e tudo o mais para acalmarem a namorada atraiçoada que ninguém gosta de ser encornada, a Zefa que o diga que até parece que é mania das fufas andarem todas enroladas umas com as outras! Mas não, o passado das meninas foi todo branqueado e aquilo no livro é assim uma espécie de deserto cheio de folhos e fofuras e arco-irís cheios de brilhos cor-de-rosa segurados por anjinhos que cantam hinos ao amor e à bondade e ao carinho e a tudo o que é bom nesta vida, mas tanto assim também não, porque sinceramente aquilo é tanta purpurina que parece que se nos enfia na garganta e dá-nos vontade de vomitar, rosa, amarelo, trovão, isso se calhar era bonito mas como há bocado deu-me uma fomeca danada e estive a comer uma lata de lentilhas aquecidas com um bocadinho de azeite e alho porque não tinha mais nada para comer em casa parece-me que ir ao gregório agora não ia ser coisa boa para ninguém!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:45

Fufas Famosas - Maria Zilda

por Lucelia, em 18.12.13

 

 

Hoje volto-me finalmente para as brasileiras porque andei aqui a ver e assim de repente não me lembro de mais nenhuma fufa portuguesa famosa para além da Ana Zanatti e da Lara Li, e sobre esta última tenho um ódio de estimação por causa dum episódio que se passou um dia num bar e depois um dia se calhar venho cá contar.

 

Eu assim brasileiras sobre quem queria mesmo escrever era sobre a Malu Mader, esse portento de mulher que reforçou e muito os meus latentes instintos sáficos, mas infelizmente parece que ela não é fufa se bem que hoje em dia há carradas de atrizes que chegam ali a uma certa idade e dizem ah e tal tou farta de aturar homens, as mulheres é que é! Só é pena que só façam isso depois dos sessenta, porque elas eram nossos ídolos na juventude e mal sabíamos nós o que se passava ali por dentro. E se alguém vier dizer que só mulheres feias são fufas botem os olhos numa Samantha Fox ou numa Kelly McGillis nos anos 80, que é para verem que também temos exemplos de mulher boazuda e super bem fornecida.

 

 

 

A Maria Zilda por acaso nunca desconfiei, talvez só na parte da voz, mas também foi um belo pedaço de mulher. Agora que chegou aos sessenta arranjou uma namorada que também não é nada de se jogar fora. E quem foi Maria Zilda? Foi uma atriz brasileira que participou em montes de novelas mas agora não me lembro do nome de nenhuma. É o que eu digo, quero escrever sobre uma fufa famosa e só me lembro da Malu Mader na novela Top Model e eu uau, ficava ali de boca aberta a olhar para a televisão e para aquele mulherão e o meu pai dizia-me ó filha fecha a boca se não entra mosca e a minha mãe afligia-se porque nessa altura pensava que eu era assim porque queria ser atriz de novela e ela queria que eu fosse professora e eu para não lhe dar um desgosto fui mas as criancinhas deram-me cabo da saúde só que agora não tenho tempo de estar aqui na amena cavaqueira porque ainda tenho muitas coisas para tratar por causa da viagem à terra no Natal.

 

PS. Mas tenho muita pena que a Malu Mader não seja fufa, lá isso tenho!

PS2. Parece que a mulher da Daniela Mercury também se chama Malu, pena que não seja a Malu Mader!

PS3. Se Malu fosse nome de mulher lésbica, a Malu Mader seria fufa!

PS4. Se calhar é porque ainda só tem 47 anos, se calhar daqui a uns 15 anitos assume-se só que nessa altura eu já terei mais de setenta e provavelmente o meu irmão enfia-me num lar que é uma limpeza e eu depois lá não posso dizer que sou fufa se não expulsam-me como ouvi dizer que fizeram a um velhote que disse que era gay e depois não tinha para onde ir. Terei que viver à custa da bondade das minhas amigas mais novas se bem que não estou a ver nenhuma delas a querer tomar conta duma velhota diabética e incontinente!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:31

Fufas famosas – Edie Windsor

por Lucelia, em 12.12.13

 

 

Por esta altura já todos saberão que a personalidade do ano de 2013 é o papa Francisco o que eu acho uma grandecíssima injustiça porque o papa não teve que fazer nada para ser famoso foi só chegar lá e agora sou papa e tenho milhões de padres e freiras e acólitos e beatas a votar em mim enquanto que as outras personalidades que estavam na votação não tinham nada disso. Atenção porque eu não tenho nada contra o papa, muito pelo contrário porque este até é muito bonzinho e amigo dos probrezinhos e assim mas ele não precisa destas coisas para lhe darem visibilidade enquanto que por exemplo a Edie sim.

 

E quem é a Edie Windsor? Ela é assim uma fufa famosa na América que casou com uma mulher e depois quando a mulher morreu veio o estado e pumba passa para cá uma pipa de massa em IRS porque a gente cá não reconhece o teu casamento e ela danada vai e processa o governo e olhem que não estamos a falar dum país de vão de escada como o nosso, estamos a falar da América que é assim uma coisa em grande e luxuosa! E contra tudo e contra todos ela ganhou o processo e com isso agora há milhares de fufas que já se podem casar na América e isso é que é bonito porque é uma prova de amor muito grande uma pessoa assim casar-se com outra e quem diz o contrário é parvo e nem sequer sabe do que fala!

 

Bom mas a gente cá votámos na Edie para personalidade do ano 2013 por unanimidade com um voto contra da desgraçada da Rosalina que prometeu ao padre que votava no papa e um voto em branco da Idalete que disse que não votava em gente que não conhecia que a mulher tem internet em casa e nem sei para quê porque se é só para andar a cuscar os murais das amigas no feicebuque mais valia passar as tardes em casa da Salomé que sempre lhe saía mais barato!

 

Por isso às vezes tenho vontade de emigrar para conhecer gente nova e desempoeirada e até tenho umas primas na América em Nova Jérsei que estão sempre a dizer-me para ir lá visitá-las só que eu tenho este problema da baixa e não posso ausentar-me para parte incerta porque nunca sei quando vou ser chamada para ir à junta médica. Se não fosse isso ia sim senhora porque ao menos as minhas primas de lá são todas modernas e sabem tudo sobre mim e gostam de mim na mesma ao contrário das primas de cá que são umas grandes invejosas como a minha prima Eufrásia que engravidou e depois teve que casar com o primo Alfredo que é um que é assim muito feio e gordo e gosta muito de ir para os copos e depois diz que bate na mulher mas não tem sorte nenhuma porque ela é má como as cobras e vai e mete-lhe pregos na comida e ele anda com os dentes todos escaqueirados para ver o que é bom para a tosse!

 

E como eu criei este blogue não só para divulgar as vidas de fufas que ninguém conhece como nós, fica aqui o reparo que aposto que ninguém neste país de fim de mundo se vai lembrar da Edie amanhã, mas se por acaso alguma alminha fizer uma notíca de jeito sobre o facto dela quase ter sido personalidade do ano de 2013 eu venho aqui fazer um updaite porque a Tininha já me explicou que estes textos são como coisas vivas, não é só cuspir uns perdigotos para o ecrã, é que agora estas palavras que aqui estão amanhã pode-se vir cá e mudar tudo mas nunca por nunca irão ver um texto meu a dizer que votei no papa e se isso acontecer foi porque a Rosalina conseguiu entrar na minha área pessoal mas assim que eu der por ela venho cá apagar tudo porque isto é um blogue de fufas e não de beatas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:14

Fufas Famosas - Dina

por Lucelia, em 11.12.13

 

Estava assim indecisa entre começar esta nova rubrica das fufas famosas por fufas de cá ou de fora porque lá há muitas mais e muito mais escolha, mas seguindo o lema do que é nacional é bom resolvi começar por cá porque apesar de poucas também temos fufas famosas em Portugal e é bom que se divulgue por aí porque assim de repente parece que vivemos num país só de beatas e não pode ser!

 

Falei com as minhas amigas e nem todas concordaram que a Dina devia ser a primeira, ah e tal porque a Ana Zanatti tem muito mais estilo e não tem nada a ver e se queres cantoras porque não escolhes a Lara Li que tem melhor voz mas eu decidi que a primeira devia ser a Dina e pus logo um ponto final à conversa porque ah e tal ela é assim meio camiona e que culpa tem a rapariga de ser a cara chapada do João Pedro Pais? Temos que ser umas para as outras, estas mulheres são todas iguais, se vêm uma a ter sucesso começam logo a arranjar defeitos a torto e a direito! Por isso e apesar do sucesso da Dina ter assim umas décadas ela deve ter sido a fufa portuguesa que mais alto brilhou no firmamento das estrelas lésbicas e por isso eu digo que ela merece a minha singela homenagem!

 

E quem foi a Dina? pergunta-me aqui a Tininha que é o que eu digo, estas gerações mais novas tem uma falta de cultura que é de bradar aos céus! Lá tive eu que lhe explicar que a Dina foi uma cantora assim muito famosa nos anos 80 e 90 e que ganhou uns concursos que havia dantes que era a eurovisão da canção e aquilo era muito giro porque tinha juris de todos os distritos do país e era uma emoção a gente à espera dos votos do juri de Viseu que nunca mais chegavam porque havia problemas técnicos e depois o Eládio Clímaco que era um apresentador muito bichona dizia assim ó juri de Viseu podem por favor repetir a vossa votação que aqui em Lisboa não se ouve nada e nós a abanar a cabeça porque nós ouvíamos tudo só o Eládio é que devia ter o pipo do ouvido avariado e não ouvia nada! E a torcermos muito pela nossa menina porque aquela nunca nos enganou e sempre soubemos que jogava pelo nosso clube, que é como quem diz, aquela vê-se bem ao longe e não engana ninguém! Se bem que andei aqui a pesquisar na internet e não consigo encontrar uma porcaria que seja duma entrevista onde ela tenha assumido que era lésbica! Só na wikipedia dizem que em 2008 "assumiu o seu sapatonismo" e eu estou aqui fula da vida porque a mulher é portuguesa dos quatro costados, uma mulher do Norte ainda por cima, e o raio dos moços que metem para lá as coisas que não sabiam dizer que ela tinha assumido o seu fufismo que era muito mais nacional do que misturar essas coisas com sapatos que um dia ainda hei-de perguntar à brasileira que trabalha no restaurante do Sr. Vitor porque é que as fufas brasileiras se chamam sapatonas!

 

Bem mas a Dina, a nossa menina, lá ganhou o concurso de cançonetismo nacional e foi toda contente com o seu Amor de Água Fresca até à Suécia representar o nosso país e parece que aquilo correu mal mas eu acho que foi porque os suecos não perceberam que aquilo era assim uma canção de amor que metia fruta fresca e só quem a lambe e a trinca é que percebe! Mas depois dos zero pontos do juri do Luxemburgo ela coitada já estava assim desanimada porque percebeu logo que a irlandesa ia ganhar e aquilo os juris tavam era todos feitos uns com os outros porque a Irlanda era só facturar e ela nada! Depois foi um ar que se lhe deu que nunca mais se ouviu falar dela, nem sequer quando assumiu o sapatonismo porque se calhar essa palavra não tá assim nos coisos de buscas dos senhores que fazem as notícias e ninguém deu por nada.

 

Para rematar quero só dizer uma coisa que as minhas amigas disseram para eu não dizer porque não tem nada a ver mas eu digo na mesma porque cada um faz o que lhe apetece e quando eu disse que ia fazer um blogue e que queria ajuda elas ai e tal agora não me dá jeito porque tenho que ir fazer compras de Natal por isso o voto delas na matéria é zero! Cá vai disto! É assim um aparte sobre os nomes que se escolhem para as filhas porque dar o nome de Ondina, ou Dina, a uma criança é meio caminho andado para dizer ao mundo e arredores que a filha é lésbica. Por isso são de evitar nomes como Dina, Carla, Cristina, Mónica ou Susana, a não ser que não queiram nunca vir a ser avós. Se bem que hoje em dia com os métodos artificiais tudo é possível mas como é caro como o raio é bom é para as espanholas que cá a pessoa não tem dinheiro nem para mandar cantar um cego quanto mais ir a Barcelona engravidar! Escolham nomes tipo Aldozinda ou Rosalina, se bem que eu conheço uma Rosalina que é lésbica mas sempre é beata o que deve atenuar um bocado a dor.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:38


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D


Links

Linques úteis